FACESP presente na Plenária Virtual “Movimento 60+ Gratuidade” – 11/02


O “Movimento 60+ Gratuidade” se reuniu nesta quinta-feira para passar alguns informes do trabalho já realizado por esse coletivo e pelas entidades que aderiram a luta para reverter a retirada a gratuidade dos idosos ao transporte público. Também tirou ações e iniciativas para mobilizar os parlamentos municipal e estadual, para que estes, eleitos pelo povo, tomem posição favorável aos idosos e aposentados. Segue o que foi feito e o que precisa fazer.

  1. Tivemos mais de 5 mil visualizações em nossa live-ato do dia 28/01;
  2. Alcançamos 200 organizações que assinaram nosso manifesto;
  3. SINDIAPI-UGT, SINTAPI-CUT, CMB, FACESP, MUHAB, MDM, Assoc. João de Barro e FMP, já enviaram e-mails com Ofício/Manifesto aos Vereador@s/Deputad@s;
  4. Parlamentares que responderam os e-mails ou declararam apoio: Vereador@s: Eliseu Gabriel (PSB), Faria de Sá (PP), Thammy Miranda (PL), bancada (PT), bancada (Psol), Deputad@s: Leci Brandão (PCdoB), Marina Helou (Rede), bancada (PT), bancada (Psol), Federal: Orlando Silva (PCdoB)
  5. O Sintaema nos patrocinou 2 faixas e 2 banners;
  6. Protocolamos Ofício/Manifesto na Presidência da CMSP e na Prefeitura, pedindo audiência;
  7. Criamos nossa página no Facebook: 60+gratuidade;
  8. Criamos um abaixo assinado virtual que já coletou mais de 500 assinaturas.

Para avançar o “Movimento 60+ Gratuidade”:

  1. Cuidar da COMUNICAÇÃO: Divulgar o Manifesto em jornais de bairro, dar entrevistas em rádios comunitárias, divulgar o movimento na imprensa sindical (sites, jornais impressos, redes sociais), via imprensa sindical abrir espaço na grande mídia, procurar Jornal Agora para por uma matéria (é o mais lido pelos idosos);
  2. Impulsionar (pago) o abaixo assinado digital e divulgá-lo por redes sociais e zap;
  3. Aumentar o envio do Ofício/Manifesto a Vereador@s/Deputad@s, cada entidade deve fazer o seu e divulgar no grupo;
  4. Fazer um abaixo assinado impresso para coletar nos bairros;
  5. Elaborar um panfleto para distribuição em terminais de transporte nos bairros;
  6. Gravar vídeos curtos (até 30 seg) de lideranças sociais idosas para montar um vídeo maior;
  7. Buscar audiências: Presidência ALESP e Governo do Estado, Dória ou vice;
  8. Agendar reuniões em âmbito do Município/Estado nas Secretarias: Casa Civil, Transportes, Direitos Humanos, outras…;

Encaminhamentos:

a) Preparar o panfleto do “Movimento 60+ Gratuidade” para ampla distribuição;
b) 17/02 (quarta) – panfletagem ás 15 horas – Anhangabaú – Xavier Toledo x 7 de Abril;
c) Mandato Leci produzirá uma cota de panfletos;
d) Viabilizar pelos sindicatos, material de propaganda: faixas, banners e panfletos;
e) Imprimir com sindicatos ou centrais 150 cópias do Manifesto (5 folhas);
f) Guilherme – Aposentados UGT, pode tirar uma cota dos Manifestos;
g) 18/02 (quinta) – visita a ALESP ás 13:30h – passar gabinetes
h) Todos ficam responsáveis para recolher os vídeos de 30 segundos com lideranças;
i) Caio ficou de ver um jovem para montar os vídeos produzidos;
j) Tonhão – preparar o modelo de abaixo assinado impresso e ver como rodar.

Compartilhe agora com seus amigos

Notícias Relacionadas

veja também em nosso site

Galeria de Fotos

Galeria de Fotos