Movimentos sacodem SP e o Brasil pela prorrogação da ADPF 828, contra os Despejos


Publicada dia 17/03/2022 10:42

Nesta quinta (17), a Campanha Nacional pelo Despejo Zero realizou um dia de luta pela prorrogação da ADPF 828, onde o STF suspende todos os despejos no país até 31/03 deste ano. O problema é que após o final de março, 132 mil famílias já podem ser despejadas, sendo mais de 40 mil só em SP. A ADPF conseguiu proteger até o momento 14,6 mil famílias, das remoções.

A ameaça às milhares de famílias foi o que motivou os atos públicos em todo o país, organizados por entidades nacionais que fazem a luta pela moradia e a reforma urbana. Em São Paulo, a FACESP e o MUHAB foram algumas das entidades que construíram, certamente o maior ato do Brasil, com aproximadamente 10 mil pessoas, que caminhou cerca de 4 km, saindo da Av. Paulista, descendo a R. Augusta e findando na região da Sé, no TJ/SP.

Diretores da Entidade como André, Nilda e Tonhão e o militante Careca trouxeram para rua moradores das Ocupações: Porto Príncipe, Presidente Wilson, Vila Municipal, Vila Dandara e Jonas Savimbi, articulados pelo MRFU, MDM, União dos Moradores Pq. da Moóca e Associação de Moradores Jd. Manacá da Serra. Cabe destacar a alegria e vibração dos imigrantes Haitianos da Ocupação Porto Príncipe que cantaram e dançaram o tempo todo, motivando à todos!

Ao final do ato ocorreram manifestações culturais que tiveram a contribuição dos companheiros(as) da “Ocupação Ouvidor 63”, e muitas falas dos movimentos presentes. Enquanto isso uma comissão de lideranças aguardava para ser atendida pelo presidente do Tribunal de Justiça de SP – Ricardo Anafe, o que infelizmente não foi possível, sendo atendidos pela assessoria da Presidência. O encaminhamento positivo reivindicado pelos movimentos, foi o compromisso do TJ pela retomada do Grupo de Apoio às Ordens Judiciais de Reintegração de Posse (Gaorp), que trata de conflitos fundiários.

por Tonhão – Comunicação FACESP e CONAM

Compartilhe agora com seus amigos

Notícias Relacionadas

Comunitários defenderão Mandato Popular

Comunitários defenderão Mandato Popular

As eleições deste ano acontecem em condições muito especiais. Há até ameaças do direito ao voto popular. É neste cenário que o Movimento Comunitário, defensor da Democracia, se org...

veja também em nosso site

Galeria de Fotos

Galeria de Fotos