Lideranças Populares participam de audiência para exigir água e energia em ocupações e áreas irregulares


Na última segunda (22), por volta das 14 horas, aconteceu Audiência Pública Virtual da Comissão de Política Urbana da Câmara dos Vereadores, com a presença dos parlamentares Antônio Donato, Suplicy, (ambos PT), Sílvia da bancada feminina do Psol, André Silva do Republicanos, Lideranças dos Movimentos Sociais, representantes da SEHAB, Enel e Sabesp para discutir a regularização de água e energia elétrica nas ocupações.

Várias lideranças relataram dificuldade e burocracia para conseguir o aval e a regularização dos serviços por parte destas Concessionarias, principalmente no caso da Enel, que inexiste um canal de comunicação com a empresa italiana, além do alto custo para atender as solicitações técnicas da empresa, como por exemplo, projeto técnico assinado por Engenheiro Elétrico, quando é possível isso ser feito, com um custo de R$50 mil aproximadamente.

Outro ponto de grande destaque, foi a dificuldade da obtenção destes serviços de primeira necessidade para o ser humano, nas áreas de mananciais, sendo que várias pessoas consomem água contaminada devido a falta de fornecimento pela Sabesp deste bem imprescindível para a vida. Isso torna-se ainda mais relevante no dia Mundial da Água (22/03), num país que detém maior reserva de água doce do mundo, entretanto, 15 milhões nas áreas urbanas não têm acesso a água tratada (dados da OMS e do Fundo das Nações Unidas para Infância, Unicef).

Ao final das oportunidades foi feito o seguinte encaminhamento: Criação de um GT para facilitar o diálogo entre os Movimentos Sociais, Poder Público e Concessionárias, Enel e Sabesp e aperfeiçoamento de normas e procedimentos. Participaram da reunião pela FACESP, André Araujo e pelo MUHAB, Tata Silva.

Colaboração – André Araújo

Compartilhe agora com seus amigos

Notícias Relacionadas

Idosos sofrem com fim da gratuidade

Idosos sofrem com fim da gratuidade

Nesta segunda-feira(12) foi ao ar, no Programa Fala Brasil, matéria que denuncia sofrimento dos idosos que perderam seu direito a gratuidade nos transportes, desde 1º de fevereiro ...

veja também em nosso site

Galeria de Fotos

Galeria de Fotos